Novembro Azul



Comusa adere ao Pacto Global da ONU

 

Autarquia é o único órgão público do Estado e a única concessionária de serviços de saneamento do Sul do Brasil a tornar-se signatária do projeto das Nações Unidas

 

A Comusa Serviços de Água e Esgoto de Novo Hamburgo acaba de ingressar na Rede Brasil do Pacto Global. A iniciativa das Nações Unidas (ONU) busca mobilizar a comunidade empresarial na adoção e promoção, em suas práticas de negócios, de 10 Princípios universalmente aceitos nas áreas de direitos humanos, trabalho, meio ambiente e combate à corrupção. O anúncio foi realizado na manhã desta terça-feira, 25, em uma coletiva de imprensa com a prefeita Fátima Daudt e o diretor-geral da Comusa, Márcio Lüders.

Criado em 2000, o Pacto Global foi idealizado pelo ex-secretário-geral da ONU Kofi Annan e dá aos membros acesso a ferramentas que contribuirão para ampliar o envolvimento da organização com os temas de sustentabilidade e com as discussões na área. O processo para tornar-se signatária começou na Comusa há cerca de um ano, incluindo contatos com o escritório da ONU em Nova Iorque. “Para além dos princípios que seguiremos, acreditamos que a adesão à iniciativa nos abrirá portas importantes de parcerias com a ONU para o desenvolvimento de projetos que beneficiarão Novo Hamburgo”, explica Lüders.

O Pacto Global possibilita a participação em programas locais e internacionais, dentre os quais os grupos temáticos conduzem projetos nas áreas de Água, Alimentos e Agricultura, Anticorrupção, Direitos Humanos e Trabalho, Energia e Clima e Objetivos de Desenvolvimento Social (ODS). “Estamos colocando Novo Hamburgo no futuro. É maravilhoso saber que a Comusa faz parte do Pacto Global da ONU, pois coloca a cidade em um patamar diferenciado. Esse pacto é o passo para primeiro mundo que queremos dar”, ressalta a prefeita Fátima.

Com mais de 13 mil participantes em quase 170 países, a iniciativa conta com cerca de 770 membros no Brasil, país que possui a terceira maior rede. Dentre os membros estão algumas das maiores empresas do mundo que passaram a adotar as práticas que agora serão implantadas na Comusa. “Esse trabalho é muito importante porque mostra o compromisso da cidade com o desenvolvimento sustentável. Isso também nos ajuda na busca por financiamentos internacionais”, lembra a secretária de Desenvolvimento Econômico de Novo Hamburgo, Paraskevi Bessa-Rodrigues.

 

COMPROMISSO – Ao aderir à iniciativa, a Comusa se compromete a reportar à ONU anualmente suas ações para o progresso dos 10 Princípios estabelecidos pelo Pacto. “Esses compromissos já estão assegurados nas práticas da Comusa. O que vamos desenvolver são ações para disseminar essas práticas, contribuindo com o desenvolvimento da nossa cidade”, explica Lüders.

Com a criação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), o Pacto Global também assumiu a missão de engajar diferentes setores na agenda da sustentabilidade.

 

OS 10 PRINCÍPIOS:

RESPEITAR e apoiar os direitos humanos reconhecidos internacionalmente na sua área de influência.

ASSEGURAR a não participação da empresa em violações dos direitos humanos.

APOIAR a liberdade de associação e reconhecer o direito à negociação coletiva.

ELIMINAR todas as formas de trabalho forçado ou compulsório.

ERRADICAR todas as formas de trabalho infantil da sua cadeia produtiva.

ESTIMULAR práticas que eliminem qualquer tipo de discriminação no emprego.

ASSUMIR PRÁTICAS que adotem uma abordagem preventiva, responsável e proativa para os desafios ambientais.

DESENVOLVER iniciativas e práticas para promover e disseminar a responsabilidade socioambiental.

INCENTIVAR o desenvolvimento e a difusão de tecnologias ambientalmente responsáveis.

COMBATER a corrupção em todas as suas formas, incluindo extorsão e o suborno.

 

 

Notí­cia em 26/06/2019


© 2011-2013 COMUSA - Serviços de Água e Esgoto de Novo Hamburgo
Todos os direitos reservados.

Av. Coronel Travassos, 287 CEP 93415-000 / Bairro: Rondônia / Novo Hamburgo/RS

www.twitter.com/comusanh www.facebook.com/comusanh